• Canal da Marcenaria

Como entender e projetar móveis de acordo com a demanda do cliente



Muitas vezes a Marcenaria produz bons móveis, com produtos de qualidade e inovadores, porém não sabem fazer um atendimento diferenciado e personalizado, o que implica no sucesso da venda.


O atendimento é uma etapa decisiva, pois se não houver muito cuidado e atenção em entender o que o cliente realmente precisa, você pode até produzir um bom móvel, mas ainda assim não corresponderá as expectativas dele.


Conheça a fundo o perfil e o estilo de vida do seu consumidor


Muitas vezes a resposta que você precisa para apresentar diferencial na entrega do móvel não está nas perguntas convencionais. Explore seu cliente (com limites) e entenda por que ele quer o móvel, em que ambiente ficará, quais os hábitos da família, para que vai ser útil. É nessas respostas que você poderá oferecer ainda mais soluções e abusar da multifuncionalidade.


Questione o cliente sobre as referências e expectativas que ele tem


Muitas vezes o cliente procura um móvel devido a uma inspiração, seja nas redes sociais, novelas, revistas ou casas de conhecidos. Por isso, para chegar ainda mais próximo das expectativas dele, pergunte se ele tem alguma referência do móvel desejado.


Pergunte também se ele tem alguma necessidade especial a ser levada em conta


Um exemplo que ajuda a entender bem essa questão é que muitas pessoas moram com parentes com limitação física. Ou que são idosos e sofrem com mobilidade reduzida. Em casos assim, é crucial que o mobiliário do imóvel seja adaptado para ser acessível a todos os moradores da residência. Assegurando, dessa forma, a inclusão e a qualidade de vida deles.


Faça um briefing com todas as informações colhidas


Um briefing é um resumo de tudo que você coletou de informações para realizar o projeto. Nele, é essencial que conste, além de tudo citado acima:


  • material

  • estilo

  • cores

  • direcionamentos para o trabalho

  • prazos de início e fim do projeto

  • data de apresentação de esboços

  • custos individuais por peça

  • formato de entrega etc.


Ao fazê-lo, lembre-se de apresentar ao freguês para que ele cheque todas as anotações e valores que constam no documento e, caso queira, inclua ou retire alguma informação que achar necessária ou não.


Trabalhe sempre com, no mínimo, duas alternativas para o mesmo projeto


Prepare esboços do projeto e use a criatividade para trabalhar duas opções de combinações, dimensões, estilos, materiais, design, adornos e acabamentos, não necessariamente todos, e nem fugindo muito da proposta do cliente. Isso ajuda em diversos pontos, como: credibilidade com cliente, mostrando interesse em superar as expectativas do mesmo e domínio sob o que está fazendo; proposta de diferentes soluções, avaliando a que melhor atende; mais liberdade para o cliente escolher.


Deixa claro que o projeto será desenvolvido com base nas preferências e personalidade do cliente


Para evitar divergências na entrega do resultado final, deixe sempre bem claro que o móvel será produzido de acordo com aquilo que o cliente informou. Isso faz com que ele pense se há mais alterações que gostaria de fazer e evita que o produto saia das expectativas.


Estabeleça prazos de entrega e montagem que estejam dentro da realidade


Preze sempre pela sinceridade e seja pontual. Se depois de todo o trabalho feito acima você não cumprir o prazo de entrega combinado, isso pode implicar em toda a relação que você construiu com o cliente até então. É uma etapa extremamente importante, e para ter uma precisão de quanto tempo cada projeto levará, você precisa de organização dentro da marcenaria, possibilitando a medição de prazos com mais clareza.



Fonte: https://www.marcenariaeficiente.com.br/gestao-da-marcenaria/projetar-moveis-2/

64 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo